As dicas do Zeca

dicas-do-zeca

Olá! Eu sou o Zeca. Sou um rapaz cheio de energia e iniciativa.

Dizem que sou esperto, despachado, criativo e tenho PHDA!

Quando temos PHDA, dizem que temos dificuldade na concentração. Eu não noto muito mas fico muito aborrecido com atividades paradas e assuntos pouco interessantes. Começo a pensar noutras coisas e, às vezes, não consigo acompanhar a matéria.

Outras vezes é suposto estar sentadinho na cadeira mas o corpo pede ação, movimento, é difícil estar parado :(

Como já tenho uns anitos disto, já percebi alguns truques para ficar mais atento e ofereci-me para vos contar. Espero que gostem :)

Em casa

  • Todos os dias à noite preparo as coisas que vou precisar no dia seguinte: escolho a roupa, ponho os livros e os cadernos certos na mochila, a roupa educação física, a flauta, enfim, tudo pode fazer falta. Quando fico com dúvidas, peço ajuda aos meus pais.
  • Deito-me às 21h30 porque tenho de acordar cedo e o meu médico disse que devia dormir 10h. Fiquei aborrecido por não poder ficar acordado até mais tarde, mas quando fico na cama sem televisão, o sono até vem depressa. E o melhor é que assim acordo mais bem disposto de manhã e o dia corre melhor :)
  • De manhã não tenho muita fome mas tomo sempre o pequeno almoço e minha vitamina da concentração. Vi na internet que o cérebro precisa da energia dos alimentos para pensar!
  •  No fim do dia faço logo os trabalhos e tomo logo o banho para ficar com mais tempo para fazer o que eu gosto. Tenho de reconhecer que fazer o que os meus pais pedem acaba por compensar, porque ficam mais simpáticos e o dia corre melhor.

Na Escola

  • Na escola, a minha professora costuma lembrar a organização das atividades e o que vem a seguir. Isto ajuda-me a perceber o que vai acontecer e que vou ter recreio para poder correr.
  •  A professora ajuda-me a controlar o tempo (o tempo voa!) e combinámos um aviso secreto que ela faz quando eu fico distraído: “Tens alguma dúvida Zeca? Boa vamos continuar”. Assim volto ao trabalho e consigo acabar mais depressa.
  •  Eu gosto das aulas porque a professora não fica só a falar, faz perguntas, mostra vídeos engraçados e deixa-nos curiosos com o que vai acontecer. Também gosto quando são os colegas a explicar o que já aprenderam.
  •  Gosto muito da minha professora porque consegue falar com calma e sabe que eu preciso de mais tempo para fazer uma letra bonita. Porque se escrever à pressa, às vezes nem eu percebo o que escrevi!
  •  Às vezes até acabo os trabalhos rápido e a professora deixa-me fazer outras coisas. Gosto muito de ir para o computador quando posso.
  •  Aprendi que não devemos ter vergonha de pedir ajuda aos outros colegas e aos professores. Quando os outros precisam, eu também ajudo.
  •  Por vezes, trabalhamos em pequenos grupos e assim ajudamo-nos uns aos outros. Num grupo, há sempre alguém com mais ideias, alguém que gosta mais de escrever, de falar ou desenhar. Cada um faz o que sabe fazer melhor!
  •  Se o meu corpo "pedir" para se mexer, posso ir afiar o lápis, posso mexer na minha bola “anti-stress”. Posso até espreguiçar-me um bocadinho (discretamente, sem fazer barulho!). Isso ajuda-me a concentrar melhor.
  • Tive de mudar de lugar duas vezes porque tinha um colega que me estava sempre a distrair e noutra vez fiquei ao lado da janela e estava sempre a olhar lá para fora. Agora quando levanto a cabeça vejo logo a professora e lembro-me que tenho de me concentrar.
  • A minha professora percebeu que eu gosto de desafios e de prémios. Os prémios e os elogios deixam-me muito contente com as coisas que consigo e dão-me vontade de fazer ainda melhor. Às vezes até sou eu que digo a mim próprio: “Boa, fizeste o teu melhor”!

 

Gostaste? Mostra aos teus pais e ao teu professor :)